string(4) "1070" string(4) "1074" string(4) "1034" string(4) "1067" string(4) "1073" Castelo de Vide

Planícies do Alentejo, ALENTEJO

DESTINOS
Página Inicial / Destinos / / Castelo de Vide
PROGRAMAS DESTINOS
pesquisa avançada   
CASTELO DE VIDE
AZULEJOS DA ESTAÇÃO DE COMBOIO
As estações de comboio do Alentejo têm a característica de nos transmitirem a sensação de estarmos longe do resto do mundo, as linhas evaporam-se em miragem no horizonte. O comboio só passa uma ou outra vez por dia. E assim há muito tempo para mirar e remirar o belo painel de azulejaria desta estação.
CASTELO
O castelo situa-se a norte da vila, erguendo-se acima da planura alentejana. Foi reconstruído no reinado de D. Dinis e muito remodelado no reinado de D. João V. Ocupa um pentágono irregular. Um dos pontos interessantes é sala, da torre de menagem poligonal, onde o tecto é sustido por arcos ogivais que arrancam directamente do chão, sem decoração, o que lhe dá uma força plástica notável. Na parte mais antiga da vila, intramuros, encontram-se estreitas e pitorescas ruas com casas cujos portais em pedra são singulares. É a zona do burgo medieval.
IGREJA DE NOSSA SENHORA DA DEVESA
É um edifício do século XVIII com uma fachada faustosa flanqueada por duas torres sineiras. O pórtico tem colunas caneladas de estilo coríntio e é rematado por um frontão interrompido. O interior é de nave única com altar-mor de alvenaria.
JUDIARIA
Nas épocas medievais de Portugal praticava-se a segregação cultural. Assim não era raro haver bairros judeus (e bairros dos mouros que ficaram). Muitas vezes eram remetidos para zonas menos nobres ou acidentadas das povoações o que obrigava os seus habitantes a soluções urbanas espontâneas e notáveis. Assim é que o casario branco aglomera-se junto das suas muralhas escorrendo lentamente encosta abaixo, numa organicidade engenhosa. Vale a pena percorrer as ruelas e subir ou descer as escadinhas deste bairro.
PAÇOS DO CONCELHO

É uma construção rectangular do século XVII, nas fachadas laterais abrem-se janelas de sacada, com gradeamentos de ferro forjado. O acesso ao piso superior é feito por uma escadaria de aparato de grande engenho formal. As massas são tipicamente barrocas, em volumes crescentes.

PRAÇA D. PEDRO V
É sítio aprazível e bem proporcionado e largo, ladeado por palacetes, os paços do concelho, com a presença dominante da Igreja de Santa Maria, e com uma estátua do rei D. Pedro no meio, além de restaurantes e outras lojas.

PROGRAMAS RELACIONADOS
desde  € 1710